Pesquisar este blog

Carregando...

segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

O BRASIL VAI GASTAR COM A COPA DO MUNDO DE 2014, MAS QUE TODAS AS COPAS JUNTAS....

Poster da Copa do Mundo 2014

Vão raspar os cofres públicos de nosso pais, com a Copa do mundo de 2014. Cem bilhões de reais. É com esse custo, no mínimo, que o Brasil terá que arcar para receber a Copa do Mundo de 2014. Cerca de dez vezes o valor da primeira previsão feita pelo presidente da CBF, Ricardo Teixeira, em 2007, quando o pais ganhou o direito de sediar o Mundial. O gasto atualizado foi revelado pelo deputado federal Romário (PSB), eleito no Rio de Janeiro no ano passado. O custo da Copa do Mundo no Brasil será muito maior do que a soma do total investido nas últimas três edições do evento, no Japão, Coreia, Alemanha e África do Sul. Além disso, se os orçamentos das obras dos estádios e de infraestrutura urbana e de transporte continuarem a ser reajustados para cima no ritmo atual, a Copa do Mundo do Brasil terminará custando mais do que todas as outras juntas. A conclusão vem de um estudo da Consultoria Legislativa do Senado Federal. A análise compara as cifras investidas pelos países-sedes em todas as intervenções que levaram a rubrica de "obra da Copa" dada pelos comitês organizadores. Segundo o consultor do Senado Alexandre Guimarães, que ancorou seus cálculos em estudos feitos por institutos econômicos internacionais, as copas do mundo de Japão e Coreia (2002), Alemanha (2006) e África do Sul (2010) consumiram, juntas, US$ 30 bilhões (US$ 16 bilhões, US$ 6 bilhões e US$ 8 bilhões, respectivamente), enquanto todas as Copas da história juntas teriam consumido US$ 75 bilhões. Aqui deve passar dos 100 bilhões. O legado? Deve ser para as empreiteiras, políticos, Bebetos, Pelés, Ronaldos, Ricardos,Marins e companhias. O povo deve ficar com estádios enormes,caros e sem infra-estruturara tão cantada em prosas e versos na imprensa.

Um comentário:

Anônimo disse...

Tenho vontade de chorar as vezes vendo esse tipo de coisa, 100 bilhões investidos em coisas que futuramente não vão ser nem usadas, dinheiro sendo jogado fora como se fosse água do Mar, se fossem gastos 8 bilhões em copa do mundo já seria muito, se esse dinheeiro fosse investido em educação saude...